fbpx

Tratamento de Canal

O QUE É TRATAMENTO DE CANAL?

O tratamento de canal consiste na retirada da polpa do dente, que é um tecido encontrado na sua parte interna. Uma vez que a polpa foi danificada, infeccionada ou necrosada ela é removida e o espaço resultante deve ser limpo, preparado e preenchido. Alguns anos atrás, os dentes com polpas infeccionadas ou necrosadas eram extraídos. Hoje em dia, um tratamento de canal prolonga a durabilidade de muitos dentes que de outra forma teriam sido perdidos.

Em nossa clínica contamos com as especialistas em endodontia Dra Isabelle Geschwind e Dra Caroline Geschwind.

TRATAMENTO EM UMA ÚNICA SESSÃO:

Atualmente, modernas técnicas endodônticas propiciam conforto ao paciente, podendo o tratamento ser realizado em apenas uma única sessão, evitando várias visitas ao consultório.
Os casos mais comuns de polpa infeccionada ou necrosada são:

  • Dor espontânea e latejante;
  • Dente quebrado ou fraturado;
  • Cárie profunda;
  • Dano ao dente, como um trauma forte, seja ele recente ou mais antigo.

Estando a polpa infeccionada ou morta, se não for tratada, pode se formar secreção purulenta na ponta da raiz dentro do osso maxilar, formando um abcesso. O abcesso pode levar à perda óssea que circunda o dente, causando dor.

COMO É TRATADO O CANAL?

O tratamento de canal é feito com anestesia local, podendo ficar sensível por alguns dias após o tratamento, que é resolvido com o uso de medicações.

Se mais de uma visita for necessária, uma restauração temporária é colocada na abertura da coroa, a fim de proteger o dente no intervalo das visitas.

A restauração temporária é removida e a cavidade da polpa e canal são preenchidos permanentemente. Um material em forma de cone (flexível) é inserido em cada um dos canais e geralmente selado em posição com um cimento apropriado.

Na etapa final, uma restauração é confeccionada sobre o dente para devolver seu formato e lhe conferir uma aparência natural. Se o dente estiver fraturado ou muito destruído pode ser necessário colocar um pino cimentado no canal antes da confecção da coroa.

QUAL A DURABILIDADE DE UM DENTE RESTAURADO?

Os dentes restaurados podem durar a vida toda quando tratados adequadamente, mas envolvem outros fatores como: hábitos alimentares, revisões periódicas e higiene oral adequada realizada pelo paciente. Devido ao fato de ainda ser possível o aparecimento de cárie em um dente tratado, uma boa higiene bucal e exames dentários regulares se fazem necessários, a fim de evitar problemas futuros.

Como não há mais uma polpa viva que mantenha o dente hidratado, os dentes com raiz tratada podem se tornar mais sujeitos à fratura. Este é um importante aspecto a ser levado em conta quando for optar junto com o profissional, entre uma coroa ou restauração após o tratamento de canal.

Enviar Mensagem